quinta-feira, 28 de abril de 2011

O que supõe a sua filosofia?


" Há mais coisas entre o Céu e a terra do que supões nossa Vã filosofia "

Me encontrei com uma amiga minha, que eu já não via a algum tempo, e ela me perguntou se eu acreditava que todas as pessoas poderiam estar ligadas de alguma forma. Ou se certas coisas só aconteciam por coincidência. No momento eu não soube exatamente elaborar uma resposta a ela, afinal esse assunto é um tanto complexo. Ela, então, começou a me contar o episódio que havia acontecido com ela, e que tinha deixado-a tão confusa. ...
" Então, eu nunca pensei muito sobre espírito, alma, ou nada do tipo, afinal todas essas coisas vão contra a tudo que acredito. Tenho minha religião e acredito muito no que aprendo nela. Ou pelo menos acreditava!" Neste momento vi um traços de medo e insegurança em sua face, mas deixei que continuasse. "Eu estava esperando minha mãe no hospital. Não era nada muito grave, mas resolvi acompanha-la. Ela foi chamada, e eu fiquei esperando do lado de fora, perto da porta de um quarto. A porta estava aberta eu vi um homem deitado, cheio de mangueiras e equipamentos que auxiliavam em sua respiração. Procurei não olhar muito para não ser inconveniente, mas o seu tamanho realmente me chamou atenção! Era necessária 2 camas para que ele conseguisse ficar deitado. Ele era realmente muito alto!E mesmo eu tentando evitar a inconveniência, foi mais forte que eu; eu olhei nos olhos dele, e foi como se eu o conhecesse a anos, muitos anos. Quebrando todas as regras entrei no quarto, ele também olhou pra mim, respirou fundo e estendeu de forma "fraca" a mão como se pedisse que eu o ajudasse, mas sem perder o encanto e mesmo assim mostrando a sua força e o quanto ele lutava. Ele tinha uma respiração alta." Ela é minha amiga a muitos anos e eu nunca tinha visto, nada parecido com aquilo nos olhos dela. Era místico! "Mas ele começou a passar mal os médicos entram e me colocaram para fora do quarto com um só empurrão! Bateram a porta com tanta força que ela bateu e abriu um pouco novamente, para que eu pudesse ver o que acontecia lá dentro. Eu estava assustada mas ao mesmo tempo encantada com tudo aquilo, a porta foi novamente fechada. E dessa vez eu não pude mas ver. No outro dia minha mãe voltou ao hospital eu pedi que ela descobrisse o nome dele e se ele havia melhorado. Quando ela retornou eu fui aflita saber o que tinha acontecido com ele; mas ela nem precisava me responder eu já sabia ... " A expressão dela ja me informava o trágico fim da história. O garoto havia morrido a meia noite exata, uma hora após ela ter saido do hospital. Eu abracei-a e disse que um dia ela entenderia aquele sinal. Disse a ela tambem para ser forte e lutar, por que foi o que aquele "jovem" estava tentando passar para ela. Então não disse mais nada, afinal não adiantaria, pois se ela tivesse que tirar alguma conclusão, ela teria de tirar sozinha para que fizesse sentido em sua vida.


"Que eu não perca a vonta de viver, mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos, dolorosa..."
Chico Xavier

Trilha sonora: Essa musica realmente me toca a alma mais que todas as outras comptine d'un autre été - Yann Tiersen


segunda-feira, 25 de abril de 2011

Marioh.


Sou uma menina-moça, uma garota mulher! Sou chata, sou boba. Sou querida, sou confusa. Sou amante, sou amor. Sou verão, primavera e inverno. Sou louca, sou insossa. Sou assim, sou daquele jeito. Choro por amor, choro de raiva, choro de saudade. Meu travesseiro é meu melhor amigo, minha idade não permite dar conselhos, sou feita dos meus sonhos, do meu bem querer, do amor que sentem por mim. Minha família é minha base. Minha mãe minha base, minha rainha. Meu pai meu espelho! O jeito que cada um me vê, o jeito que cada um quer ver. Sou o que sou e não o que querem, mesmo que enxerguem diferente eu exalo naturalidade e expressões únicas e sentimentos exclusivos, coisas que apenas eu posso sentir, posso acreditar. Sou feliz, sorridente. Sou família, sou tranquila. E não mudo o que sou, sou sempre o que sou. Fácil, simples de entender. Não adianta tentar entender se não entende, não adianta tentar mudar o que sente. Tentar mudar o que está estampado em mim. Não desisto fácil, sou otimista, sou insistente e sempre, sempre consigo o que desejo. E o mais importante de TUDO, tem alguém perto de mim, que sempre me GUIA e me PROTEGE. E que além de tudo está ao meu lado. *-*
Sou isso. Nada além disso!



Marioh.

domingo, 24 de abril de 2011

5ª Parábola de Mumiah

O anel

Um aluno chegou a seu professor com um problema:

"Venho aqui, professor, porque me sinto tão pouca coisa, que não tenho forças para fazer nada. Dizem que não sirvo para nada, que não faço nada bem, que sou lerdo e muito idiota. Como posso melhorar? O que posso fazer para que me valorizem mais"?

O professor sem olhá-lo, disse:

"Sinto muito meu jovem, mas agora não posso ajudá-lo, devo primeiro resolver meu próprio problema. Talvez depois". E fazendo uma pausa falou: "Se você me ajudar, eu posso resolver meu problema com mais rapidez e depois talvez possa ajudar você a resolver o seu.".


"C. C. Claro, professor...", gaguejou o jovem, mas se sentiu outra vez desvalorizado.


O professor tirou um anel que usava no dedo pequeno, deu ao garoto e disse:

"Monte no cavalo e vá ate o mercado. Deve vender esse anel porque tenho que pagar uma dívida. É preciso que obtenha pelo anel o máximo possível, mas não aceite menos que uma moeda de ouro. Vá e volte com a moeda o mais rápido possível".

O jovem pegou o anel e partiu.

Mal chegou ao mercado começou a oferecer o anel aos mercadores.

Eles olhavam com algum interesse, até quando o jovem dizia o quanto pretendia pelo anel.

Quando o jovem mencionava uma moeda de ouro, alguns riam, outros saiam sem ao menos olhar para ele, mas só um velhinho foi amável a ponto de explicar que uma moeda de ouro era muito valiosa para comprar um anel.

Tentando ajudar o jovem, chegaram a oferecer uma moeda de prata e mais uma de cobre, mas o jovem seguia as instruções de não aceitar menos que uma moeda de ouro e recusava as ofertas.
Depois de oferecer a jóia a todos que passavam pelo mercado e abatido pelo fracasso, montou no cavalo e voltou.

O jovem desejou ter uma moeda de ouro para que ele mesmo pudesse comprar o anel, assim livrando a preocupação de seu professor e assim podendo receber sua ajuda e conselhos.

Entrou na casa e disse:

"Professor, sinto muito, mas é impossível de conseguir o que me pediu. Talvez pudesse conseguir 2 ou 3 moedas de prata, mas não acho que se possa enganar ninguém sobre o valor do anel."

"Importante o que me disse meu jovem", contestou sorridente. "Devemos saber primeiro o valor do anel. Volte a montar no cavalo e vá até o joalheiro. Quem melhor para saber o valor exato do anel? Diga que quer vender o anel e pergunte quanto ele te dá por ele. Mas não importa o quanto ele te ofereça, não o venda. Volte aqui com meu anel."

O jovem foi até o joalheiro e lhe deu o anel para examinar. O joalheiro examinou o anel com uma lupa, pesou o anel e disse:

"Diga ao seu professor que, se ele quer vender agora, não posso dar mais que 58 moedas de ouro pelo anel".



"58 MOEDAS DE OURO!", exclamou o jovem.

"Sim, replicou o joalheiro, eu sei que com tempo eu poderia oferecer cerca de 70 moedas, mas se a venda é urgente...".

O jovem correu emocionado a casa do professor para contar o que correu.

"Senta", disse o professor, e depois de ouvir tudo que o jovem lhe contou, disse:

"Você é como esse anel, uma jóia valiosa e única. Só pode ser avaliada por um especialista. Pensava que qualquer um podia descobrir o seu verdadeiro valor?"

E dizendo isso voltou a colocar o anel no dedo.

"Todos somos como esta jóia." Valiosos e únicos e andamos por todos os mercados da vida pretendendo que pessoas inexperientes nos valorizem".

Repense o seu valor!

Aprenda a valorizar cada dia mais suas pedras preciosas.
(Autor desconhecido)


Música de hoje: The Warblers - Raise your glass, essa música me faz querer sair pulando... Espero que ela também te contagie.

Fraterno abraço a todos
Mumiah

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Amanhã será o melhor dia da sua vida

Ao final do dia, depois de tudo que fiz e que deixei de fazer, quando estou para deitar minha cabeça no travesseiro eu começo a colocar o meu dia numa balança, percebo que ele não foi o melhor dia da minha vida, obviamente como os senhores leitores já suspeitavam... Mas não será por isso que eu irei desanimar, a vida é feita de possibilidades. Se hoje não foi o melhor dia, talvez amanhã seja, ou depois... Só alcança aquele que acredita ser possível praticar o impossível.

A vida não será só feita de obstáculos, ela também terá lacunas que você precisará saltar, voar... Independente de como você pensa em ultrapassar todas as dificuldades na sua vida, o melhor jeito de passar por elas é na companhia de amigos. Guarde-os, pois daqui a um tempo, você descobrirá que eles fazem parte da verdadeira riqueza... Seus futuros filhos também, assim como a mãe deles... Serão pessoas e não lugares que irão fazer com que a tua vida tenha realmente valido a pena.

Se hoje não foi o seu melhor dia, não se preocupe, amanhã tem tudo pra ser o melhor dia da sua vida.

Todo dia quando acordo eu penso: "Hoje será o melhor dia da minha vida!"

É assim que devemos viver, acreditando sempre no impossível.

Então supere-se, dia após dia. Faça sempre o seu melhor.

Fraterno abraço a todos.
Mumiah

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Qual é esse tal segredo?

Quem não gostaria de descobrir o segredo da felicidade? Descobrir o que é necessário fazer para nunca ficar triste? Você quer saber qual é o segredo para conseguir tal façanha? Não importa quanto livros você leia, não importa quantos eremitas chineses você tenha como guia espiritual ou quantas músicas você escute, o que te direi agora não têm em nenhum lugar e você sabe porque? Não é que eu seja o único a saber disso, tenho certeza que não sou e muito menos que eu seja o mais sábio dos sábios, ninguém nunca te disse ou dirá isso porque tal informação não te ajudará em nada ouvi-lá, é preciso entendê-la com a alma. Dê sem esperar receber nada em troca. Pois nada te fará ser feliz sempre. Essa história de crer, lutar ou de ser possível conseguir a felicidade eterna é pura história pra boi dormir.
video

Não existe a felicidade plena e nunca existirá, a felicidade é um sentimento esquisito, não sei se você já se ligou, mas a felicidade é um dos poucos sentimentos que possuímos que é instantâneo, ou seja, relembrar coisas boas ou traçar planos, não te fará se sentir feliz, felicidade só se conjuga no presente. Felicidade só se senti naquele momento específico e depois só sentiremos esse mesmo sentimento em um outro momento, ele não dura horas, a não ser que o momento também dure... É simplesmente impossível gerar apenas momentos que irá nos proporcionar esse sentimento. Isso é fato! Quanto antes você descobrir isso e quanto antes você entender, que viver a vida de maneira plena é sorrir e chorar, é viver e morrer...

Quanto antes você entender que choramingar por algo que não é possível mudar não adiantará nada e que chorar por algo que você pode mudar é idiotice. Ficar sentado enquanto a vida passa é um erro que você nunca poderá corrigir e viver loucamente a vida, sem pensar sequer no depois é tão errado quanto não viver a vida.

O melhor é tentar encontrar um equilíbrio, como tudo na vida é melhor quando se está em equilíbrio. Sorrir é bom demais só por que um dia nós sentimentos como pode ser angustiante chorar, se você nunca chorou como pode saber que sorrir é bom?

Viva a vida exatamente do jeito como você é! Sem se ligar aos paradigmas hediondo que a sociedade criou. Não se esqueça que a sua vida é um reflexo de você... Se você acha a sua vida morta, você precisa rever o seu conceito sobre você mesmo.
video
Fraterno abraço a todos. Mumiah

sábado, 16 de abril de 2011

Carpe Diem!



Por que somos tão tímidos quando crianças? Por que demoramos tanto tempo para perceber que mais vale se arrepender de algo que fez, do que de algo que poderia ter feito mas teve medo?
Pensando melhor, não só quando crianças. Não sei o porquê, mas parece que temos a tendência de sermos cautelosos demais. Vivemos com medo. Com medo das opiniões alheias...
Poxa, por que a opinião dos outros é tão importante? Somos assim tão inseguros? Acho que sim, pelo menos eu sou. Mas não é à toa. Desde pequenos somos educados de forma a não fazer nada considerado “constrangedor”. Sempre que fazemos algo “errado” ou fora do comum surge, não me pergunte de onde, mas sempre surge um olhar repreendedor que nos faz sentir a pessoa mais idiota do mundo.
Então aqui vai a dica: viva cada momento como se fosse o último. Aproveite as oportunidades que a vida te dá e não ligue para o que as pessoas vão pensar. Grite, pule, dance, saia correndo, abrace seus amigos, sua família, dia a eles que os ama, faça cada momento valer à pena!
Assim, quando ficar velhinho e não tiver mais forças pra pular ou sair correndo, ainda terá ótimas histórias para contar aos netos.
E como diria Bob Marley: “Para que levar a vida tão a sério, se a vida é uma alucinante aventura da qual jamais sairemos vivos?”
Aventure-se!!
♪  Carpe Diem!
 Habuhiah

segunda-feira, 11 de abril de 2011


Acho que eu sempre soube desde o principio, que tudo foi uma mentira. Tenho certeza que não fui rude, foram só as suas atitudes que me mataram por dentro e que arruinaram com tudo. E quanta noites perdidas chorando Relendo aquelas cartas E não conseguindo mais joga-las fora. Labirintos de Nostalgia. Se você pudesse sobreviver, tentando não mentir, as coisas não seriam tão confusas e eu não me sentiria tão usada...

Será que é tão dificil a humanidade falar a verdade, ou não precisar desfrutar de
muitas "caras" ao relacionar - se com as pessoas?!
Eu odeio quando eu percebo que estão mentindo pra mim, por que me faz pensar o tanto de vezes que mentiram para mim e eu nem percebi. Me sinto incapassitada de viver no mundo dos homens. Me sinto Fraca e cansada. Um lugar de seres sem opinião, que vendem seus sonhos fácil, só pelo status de poder participar de alguma " Cáfila".Me embrulha o estômago e tenho Náuseas. Certas coisas são realmente difíceis de digerir.
Mas sigo em frente e ignoro. Afinal seria um desperdício de energia dar bola para toda essas indigestão, mesmo sendo elas a esmagadora maioria.


Manakel.


"E são amores estranhos que fazem crescer e sorrir entre as lágrimas"






sexta-feira, 8 de abril de 2011

"Save a life"

Vou te contar algo que provavelmente você já sabe: o mundo não é um grande arco-íris, não existe apenas pessoas boas. Ele é um lugar habitado por pessoas sujas e cruéis que não querem saber o quanto você é durão. Essas pessoas te deixarão de joelhos e te manterão desta maneira se você permitir.
Eu, você, ninguém baterá mais forte que a decepção que essas pessoas te farão sentir, mas a questão é: não se trata de quão forte você pode bater, se trata de quanto você aguenta apanhar e seguir em frente, continuar tentando. Mas não se preocupe, a vida não é só feita de pessoas cruéis, também existe as exceções, as pessoas que te apoiarão mesmo quando você teimar em ficar de joelhos, que te erguirão e te ajudarão a caminhar, por que você é importante. Não será você, eu ou qualquer outra pessoa que dirá o que é importante nessa vida, será o momento, nada te dirá o que é mais importante que o momento em que você se encontra.

Não temos o poder e nem devemos ter o poder de decidir o que é certo e errado, o que é bom ou ruim. Somos imperfeitos demais pra julgar algo... Somos teimosos demais para aceitar que tudo é certo quando não prejudica ninguém.

Se você estava desanimado antes de ter lido o texto, então trate de levantar a cabeça e colocar um sorriso nesse rosto, só você pode salvar a sua própria vida.

Música de hoje: The Fray - How to save a life

(Obra baseada no filme Rock VI)

terça-feira, 5 de abril de 2011

Insônia

É automático: basta deitar na cama e colocar a cabeça no travesseiro para embarcar num mundo repleto de replay e fantasia.
Acho que não há ninguém que não gaste um tempo relembrando o que aconteceu durante o dia, os fatos marcantes. Não há ninguém que não aproveite o momento para remoer os problemas, as preocupações e as angústias pelos quais tem passado, talvez em busca de uma solução.
Quem nunca fez planos antes de dormir? Quem nunca lembrou de algo extremamente engraçado, e teve que abafar as risadas no travesseiro? E quem nunca chorou, sem ninguém por perto e, com o mesmo travesseiro que abafou as risadas, escondeu também o choro? Quem nunca lembrou de um velho amigo? Quem nunca orou por alguém?
Mas, apesar de todas as coisas reais em que podemos pensar, todos os problemas, na maioria das vezes insistimos em deixar a imaginação livre, e ficamos sonhando acordados com todas aquelas coisas que gostaríamos que acontecessem. É inevitável. Acontece com tal naturalidade, que muitas vezes nem percebemos.
Acho que todos já sofreram de “insônia”... Pode não ser o que os médicos chamam de insônia, mas sim o tempo que encontramos para refletir sobre nossas vidas, e tudo o que acontece nelas. E para sonhar, pois “sonhar é sair pela janela da liberdade, é vaguear pelos caminhos proibidos ou não. É, sem ter um rumo qualquer, ter um alvo a perseguir: a felicidade”.
E por fim, pra você que é, na maioria das vezes, a causa da minha insônia, tenho algo a dizer:
EU TE AMO!
E não existe uma medida, uma quantidade, um tamanho ou um padrão...
Não posso dizer que te amo em litros, ou quantas toneladas o meu sentimento pesa. Não posso tentar medi-lo em metros, nem mesmo em quilômetros. Não sei calcular a força exercida por ele, e também não sei dizer a quanto tempo isso acontece comigo.
Mas se for pra comparar meu amor a uma extensão, uma quantidade ou uma força, então posso afirmar que te amo tanto quanto o infinito é infinito, e com a mesma intensidade com que um buraco negro suga tudo a sua volta.
E nada é capaz de diminuir o que sinto. Não importa o que as pessoas falem, não importa o tempo ou a distância que possam nos separar, continuarei te amando com a mesma intensidade, ou ainda mais.


Habuhiah

segunda-feira, 4 de abril de 2011



Pobres daqueles que
acham a Vida entediante, eu já fui um desses....

Viver intensamente. Me apaixonando por todas as pessoas. Todas! Sempre a espera de um coração
nobre que não me engane.
Acreditando que há exceções e pessoas boas.
Rir, gargalhar, das pessoas falsas.

Hoje a luz dos meus olhos voltaram a acender, por que eu descobri que realmente sou forte.
Que basta acreditar. O mundo é sim um lugar perigoso com pessoas manipuladoras, cabe a você criar seu mundo imaginário para onde você possa levar somente as pessoas que ame e ser Feliz. Isolando tudo que te faz mal, tudo que não te deixa seguir. E jamais deixe que suguem suas energias!

Quer um conselho? Descomplique a Vida e o amor.
Tente, não se arrependa, aprenda e se for de valia tente novamente.

Esqueça esse mundo cruel onde pertencemos, Sente e cante uma bela canção!


Manakel.


Hoje Indicarei trilhas soras:


sexta-feira, 1 de abril de 2011

4ª Parábola de Mumiah

Andando a noite por aí, encontrei um amigo que há muito tempo não via, Jhonny. Lembram-se dele?

Bem, ele me contou uma história que aconteceu com ele, que eu gostaria de compartilhar com vocês.

"A vida as vezes pode parecer muito dura para um garoto de 17 anos, ainda mais pra um garoto que perde o seu chão como foi meu caso. Pensei muitas vezes em sumir, morrer, mas não sei porque fiquei na minha, gritando e chorando por dentro.

A vida lentamente foi engatinhando, nunca esqueci a Ana, nem hoje, três anos depois esqueci dos olhos dela.

Mas vamos a história que quero te contar amigo: poucas semanas depois dela ter falecido, saí pra caminha de madrugada, ali na beira-mar. Encontrei um pessoal, me enturmei e logo me apresentaram o álcool. Comecei a beber, beber bastante, saca? [Fiz um gesto que entendia com a cabeça.]
No começo a dor passou, parecia que eu aguentaria as lembranças da vida que nunca tive com ela, mas logo a dor voltava e eu precisa de mais, de mais e de mais.

Acabei machucando mulheres na tentativa de esconder a dor de não ter amado a Ana, só descobri depois de muitos anos que eu nunca conseguiria cessar essa dor tentando colocar alguém no lugar. Perdi muitos anos da minha vida, fugindo dessa dor, tentanto fingir que eu tinha superado. Sorrindo de maneira falsa praqueles que sofriam ao ver a maneira lastímavel que eu me encontrava por dentro.

Foi então que eu entendi que as vezes o mundo fica de cabeça para baixo, pra gente aprender a andar de cabeça erguida. Foi assim, sem mais nem menos que encontrei algo que não era pra está ali. Um dia entrei no meu e-mail antigo do hotmail pra ler e responder alguns e-mails. Fazia mais de meses que eu não entrava lá e olhei meus contatos que estavam presente naquele momento e tinha alguém que eu não sabia quem era, então resolvi falar com ela, saber da onde a gente se conhecia, porque não me lembrava dela e olha só, a gente realmente não se conhecia e como ela estava entre meus contatos? Eu e ela não fazíamos a mínima ideia. Acontece que ela também não costuma entrar no e-mail dela e bem no dia que ela entrou, eu também entrei, na mesma hora.

Coincidência? Destino?

Não sei, mas acredito que Deus tenha me dado a oportunidade de conhecer alguém especial, alguém muito carinhosa e simpática. A gente se conheceu algumas semanas depois e estamos juntos até hoje. Três meses.
Fascinante, diferente, é uma história única.
Não sei como te dizer isso, mas acho que foi Deus quem colocou ela no meu caminho, não sei que rumo minha vida teria tomado sem ela."


Gostaria que tirassem dessa história real algo de proveito para a vida de vocês.

Nunca desista.
Tudo na vida tem um propósito.
Acredite no destino que Deus traçou pra você.
Quando uma porta se fecha uma outra se abre.

Não importa o que você vai tirar dessa história, engrandecendo a pessoa que você é hoje, pra mim já estaria de bom tamanho.

"Não existe o impossível! O impossível está dentro de nós."

Para você que não sabe quem é Jhonny.

Música de hoje: Conquistando o impossível - Jamile, para todos que ainda não perderam a esperança de alcançar os seus sonhos. Nada é impossível quando queremos de fato.

Fraterno abraço a todos.
Mumiah