domingo, 5 de junho de 2011

Uma carta ao meu amor

Você se lembra do dia que eu te vi pela primeira vez?

Eu te olhava, meio que sem jeito, enquanto você ficava me espiando pelo reflexo do vidro do ônibus, meu coração disparado, minhas pernas tremiam demais e eu não tive coragem de ir até você naquele momento... Mas foi naquele dia que eu te vi e tive a certeza que você seria a mulher da minha vida, foi como se alguém tivesse me sussurrado aos ouvidos: "é ela a futura mãe dos seus filhos."

É diferente de todos os sentimentos que já senti, eu não sei bem o que dizer nessas horas...

Eu não amo apenas você pelo que você é...

Linda, uma mulher aguerrida, forte e de temperamento instável, qualidades e defeitos que eu amo muito em você...

Mas amo ainda mais o que ainda não descobri, os segredos que você guarda dentro de seu coração e que aos poucos vai dando pistas para que eu possa descobrir por mim mesmo...

Amo o homem que você me tornou, apaixonado, capaz de transformar o impossível em possível, capaz de fazer loucuras, aquele que já correu atrás de você e que arrancou um sorriso da sua boca mesmo você querendo matá-lo...

Quanto mais o tempo passa e estamos juntos, mais eu tenho a certeza que você é o amor da minha vida... Eu te amo com toda força do meu ser!


Fraterno abraço a todos e um beijo especial para a mulher da minha vida
Mumiah

3 comentários:

  1. Hmmm, mano apaixonado! Isso é otimo né, mumiah. Fico muito feliz por você! *-*

    ResponderExcluir
  2. que lindo é o amor *-*
    Muitas felicidades Mumiah

    ResponderExcluir